header.deco01

Categorias

Caldas 0 - Mafra 1

COM CABEÇA ...

Quando faltam seis jornada para terminar a primeira fase do campeonato, o Mafra alcançou uma excelente vitória nas Caldas da Raínha.

Ivan logo aos 16 minutos apontou de cabeça o único golo da partida após um cruzamento de régua e esquadro de Luís Carlos, a culminar umas das várias excelentes combinações ofensivas que o Mafra desenvolveu na primeira parte.

Primeira parte dominada pelo Mafra que apenas viu os donos da casa reagir a partir dos 30 minutos, no entanto sem nunca criar grande perigo para as redes defendidas por Godinho, que foi sempre resolvendo bem quando chamado a jogo.

Na segunda parte, o jogo foi um pouco diferente. O Caldas melhorou e obrigou então o Mafra a mostrar a razão porque é a melhor defesa da série. Destaque neste particular para a estreia de Fábio Marinheiro. O ex. Olhanense esteve irrepreensível formando com Goiano uma dupla que nem parecia estar a primeira vez a jogar junta.

Quando faltam seis jornadas para o final da primeira fase do campeonato, o Mafra encurtou distâncias para o topo da classificação, uma vez que o líder Praiense empatou nas deslocação até ao reduto do Ginásio de Alcobaça. Dois são apenas os pontos que separam Praiense, 1º classificado com 30 pontos,de Mafra, 3º classificado com 28 pontos somados. Pelo meio encontra-se o Torreense com 29 pontos.

_

OS NOSSOS um a um

GODINHO
Vai alternado com André Caio nas escolhas do treinador. Mostra estar num bom momento de forma, com os níveis de confiança em alta. Nas Caldas, sempre que foi chamado a jogo decidiu bem.

ALMEIDA
É daqueles que nunca dá um lance por perdido. Bem a defender e com pulmão para fazer todo o corredor vezes sem fim. Ontem o entendimento com Luís Carlos funcionou na perfeição.

GOIANO
Que grande centralão está o brasileiro. Jogo a jogo sobe de rendimento seja qual seja o parceiro na zona central da defesa. Fortíssimo no jogo aéreo, sabe igualmente sair com a bola controlada. Falta aproveitar o bom jogo de cabeça nas ações ofensivas.

MARINHEIRO
Parece que o homem já jogava na equipa desde o inicio da temporada. Exibição a roçar o perfeito no jogo de estreia destacando-se o entendimento patenteado com os restantes elementos do setor recuado. Foi determinante na tranquilidade que foi transmitindo quando a equipa foi chamada a defender a vantagem.

GUILHERME
A lateral esquerda será das posições que menos dores de cabeça dará ao treinador. Guilherme alterna com Crespo nas escolhas de Pedro Silva, sendo que prima pela regularidade sempre que é chamado ao onze. Nas Caldas voltou a estar numa bitola alta

TIAGO COSTA II
Até cansa de o ver correr durante todo o jogo. É um verdadeiro carregador de piano num meio campo onde com Varão parece ser "unha com carne". É o médio que mais se junta aos centrais quando em processo defensivo e por ele passa muitas vezes a primeira fase de construção da equipa.

VASCO VARÃO
O capitão parece um miúdo em campo tal a alegria com que joga e faz jogar sempre até à exaustão. O boss, é a voz do treinador em campo e dos seus pés a bola sai sempre redonda.

BRUNINHO
Começou a temporada algo tímido, mas com a confiança que o treinador lhe foi dando tem subido a olhos vistos jogo a jogo. Um verdadeiro jogador de equipa que precisa ser mais atrevido no um para um.

LUIS CARLOS
Tem merecido nos jogos mais recentes a chamada ao onze inicial e o espalha brasas tem aproveitado bem a oportunidade. Com ele em campo a equipa ganha magia. O cruzamento para o golo de Ivan perece ter sido feito à mão, tal a precisão na colocação da bola.

ALEFF
É daqueles avançados que nenhum defesa gosta de apanhar pela frente. Veloz e com um futebol vertical, Aleff tem sempre a baliza nos olhos. Um corte milagroso de Militão evitou que de peixinho tivesse feito o golo.

IVAN
Está possivelmente no melhor momento desde que veste a camisola do Mafra. Voltou a ser decisivo nas Caldas ao apontar de cabeça o único golo do jogo. Cada vez mais terrível este Ivan.

MORELATTO
Entrou para o lugar de Bruninho com a missão de tapar o caudal ofensivo do adversário. Missão cumprida por Morelatto, sentindo-se que está pronto para uma oportunidade.

ALISSON
Chamado a jogo para os vinte minutos finais na tentativa de Pedro Silva em refrescar a frente de ataque. Acabou por ser importante no entanto ao espírito de sacrifício final na defesa do resultado.

CRESPO
Pouco tempo em campo. Entrou para o reforço da linha média.

_

ÁRBITRO: PAULO RAPOSO (AF. SANTARÉM)
Auxiliares: Pedro Freire - Manuel Mendas

Golo: Ivan, 17 minutos

Intervalo: 0-1

DISCIPLINA :
Amarelos para:
MIlitão 42 min
Guilherme 67 min
Tiago Costa 80 min

CALDAS- treinador JOSÉ VALA
Luís Paulo
Diogo Bento (Danny, 85)
Ronny (cap) (Januário, 75)
Militão
Juvenal
Paulo Inácio
André Santos
Simões
Cruz (Tonicha, 64)
João Rodrigues
Clemente

MAFRA- treinador PEDRO SILVA
Godinho
Almeida
Fábio Marinheiro
Goiano
Guilherme
Tiago Costa II
Vasco Varão (cap)
Luís Carlos (Crespo, 90+2)
Bruninho (Morelatto, 64)
Ivan
Allef (Alisson, 70)